quarta-feira, 5 de dezembro de 2018

Acelerando os combates de D&D 5ª Edição!

Olá e bom fim de tarde, caros leitores!

Muitos mestres e jogadores reclamam que um dos grandes problemas de D&D 5ª Edição é a lentidão dos combates - muito por conta da grande quantidade de recursos que os jogadores possuem, o que pode fazer com que os turnos demorem muito mais do que em edições anteriores.

Na postagem a seguir, concedemos algumas dicas para dar uma acelerada em seu combate!

Agilizar Combates D&D 5E
Tenha turnos de combate tão rápidos quanto o Goku socando o Jiren!



Acelere os combates de D&D 5ª Edição!


Listamos abaixo oito dicas infalíveis que acelerarão seu combate. Note que quanto mais dicas forem apresentadas, mais drásticas serão as nossas sugestões. Elas podem até mesmo remover um pouco da emoção da rolagem de dados para priorizar a velocidade de jogo. Mensure sobre as melhores mudanças para seu grupo e adote aquelas que melhor se adaptem a sua mesa!

Peça aos seus jogadores para que pensem em suas ações antes de chegar ao seu turno.


Isso parece bobo, mas pedir para os jogadores pensarem antecipadamente sobre o que farão em seus respectivos turnos realmente auxilia na diminuição da duração dos mesmos, principalmente em casos onde os jogadores possuem acesso a celulares e afins (quem nunca teve um jogador que ficou surpreso ao notar que seu turno finalmente chegou?). O fato de pedir aos jogadores que se antecipem atrai a atenção deles ao jogo e, consequentemente, diminui o tempo de cada turno.

Se o problema for capturar a atenção de seus jogadores enquanto o turno deles não chega (principalmente em uma era onde todo mundo possui celular), experimente delegar algumas das funções típicas do Mestre para eles, como controlar a Iniciativa e o dano que os NPC's estão recebendo. Isso, de certa forma, obriga os jogadores a ficarem atentos no combate e fornece a eles informações o suficiente para ter seu turno pré-pensado.

Anuncie o que fará primeiro, descreva depois.


Outra sugestão simples que propomos é pedir para que os jogadores, no início de seus turnos, anunciem previamente tudo o que farão no turno. Isso impede que os jogadores percam tempo pensando em novas possibilidades ao decorrer de seu turno, o que pode tomar muito tempo visto a quantidade de recursos que cada personagem possui.
Permita brechas apenas em casos onde faz sentido, como no caso de um Guerreiro utilizar a manobra de Precisão em meio a um de seus ataques, um Feiticeiro de Magia Selvagem usar Dobrar a Sorte (Bend Luck), entre outros fatores excepcionais.

Role os dados de vantagem/desvantagem simultaneamente


Nós acreditamos que esse processo ocorra em todas as mesas, mas não custa nada lembrar: já que a Vantagem equivale a jogar dois dados de vinte lados e escolher o maior valor e a Desvantagem equivale a jogar dois dados de vinte lados e escolher o menor valor, não custa nada rolar os dois dados simultaneamente.
E se caso seu jogador combeiro possua o talento Elven Accuracy, peça a ele jogar três dados simultaneamente em casos de vantagem!

Acredite: Jogar dados é o processo mais demorado em um turno. Experimente calcular o tempo de uma jogada de ataque em sua mesa!

Role os dados de ataque e dano ao mesmo tempo


Ainda falando sobre dados, peça para que seus jogadores façam a rolagem de jogadas de ataque e dano ao mesmo tempo. Mesmo que seu ataque erre, o único trabalho que você terá é remover os dados do seu rolador de dados. E caso acerte, bastará somar o modificador - o que ajudará a remover mais tempo das jogadas de ataque. Não se preocupe: nenhuma jogada de dano usa D20, sendo esses específicos para testes e jogadas.
Em casos de Testes de Resistência, role os dados de dano mesmo sem saber se os alvos passaram no teste ou não. Isso quebra um pouco da tensão, mas novamente, diminui o tempo de cada turno.

Informe a CA dos NPC's aos jogadores


Começamos com as sugestões mais drásticas!
Informar a CA dos NPC's para os jogadores agiliza de forma magistral o combate. Isso porquê cada jogador terá mentalizado qual o valor no dado que ela precisa tirar para acertar um ataque. Com isso, você ganha tempo removendo as contas de valor do dado + modificador + proficiência (se houver).

Dano estático para os inimigos


Você não quer perder tempo selecionando todos os dados de dano de um Breath Weapon de um dragão? A solução é simples!

No bloco de estatísticas de qualquer monstro da 5ª Edição há, ao lado dos dados de dano, um valor médio de dano que o ataque ou habilidade causa. Isso agiliza demais os combates quando o Mestre está controlando um número muito grande de criaturas.

Agrupe os pontos de vida de todas as criaturas similares


Você tem aquele jogador safadinho que adora invocar oito criaturas de uma única vez para se aproveitar da regra de flanco ou está controlando diversas criaturas similares ao mesmo tempo?
Há um método simples que você pode utilizar para agilizar (e muito) a sua vida: em vez de você controlar os pontos de vida separadamente (ou seja, subtrair os pontos de vida de cada criatura individualmente), some todos os pontos de vida de todas as criaturas similares!

Você deve estar se perguntando: Ok, mas como faço para saber quando uma criatura morreu nesse método?
É simples: Sempre que o conjunto de pontos de vida de todas as criaturas receberem dano o suficiente para matar uma criatura, mate a criatura que recebeu o último dano.

Um exemplo
Os jogadores estão enfrentando três pôneis. Cada pônei possui 11 pontos de vida (33 pontos de vida totais).
O jogador A causa 5 pontos de dano em um dos três pôneis, enquanto que o jogador B causa 10 pontos de dano em um segundo pônei. A soma dos danos causados é 15, mais do que suficiente para matar um dos pôneis. Sendo assim, mate o pônei que sofreu 10 pontos de dano.

Esse método de contabilizar pontos de vida é similar ao realizado pela criatura Hidra!

Role todas as jogadas de ataque de uma única vez


Se você está controlando uma criatura com múltiplos ataques e tem certeza absoluta de que mesmo que a criatura acerte todos os ataques, ela não matará o jogador que receberá os possíveis danos aplicados por ela, porquê não realizar todas as jogadas de ataque de uma única vez?

Esse método ajuda a reduzir um turno normalmente demorado de uma criatura forte para apenas alguns segundos, ideal para ser utilizado contra grupos de jogadores cujos personagens estão nos níveis épicos.

Lembrando: Uma vez que Vantagem/Desvantagem inclui rolar dois dados para um único ataque, não é recomendado que você utilize este método quando Vantagem/Desvantagem se aplicar.

Dano estático para os jogadores


E se você quiser ainda mais agilidade no turno de seus jogadores, você também pode adotar o dano estático para eles!
Com isso, o único trabalho que eles terão no turno é descrever o que farão e rolar D20's para as jogadas de ataque, ou você rolar testes de resistência para as criaturas que está controlando.

Lembrando que o cálculo da média de dano é:

Média de Dano 5E

Por exemplo:
O jogador A ataca usando uma Espada Larga +1 (que causa 2d6 de dano) e possui Força 20.
O cálculo da média de dano dele seria:

[12 (valor máximo dos dados) + 2 (valor mínimo dos dados)] /2 (nº de dados)

O valor obtido na conta foi 7. Adicionando-se +5 ao valor por conta da Força 20 e +1 pelo fato da arma ser mágica +1, a média de dano do Jogador A seria 13.


____


Por hoje é só, pessoal!
Esperamos que essas dicas tenham lhe ajudado a ter uma melhor experiência em seus combates!

Curtiu? Não se esqueça de nos acompanhar em nossas redes sociais!

Até a próxima!

Outras postagens que você pode gostar!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Posts Relacionados

Giro de Notícias - Versão nacional de Pathfinder 2E, O Um Anel 2ª Edição e mais!

Olá e boa tarde, meus caros! Nosso Giro de Notícias já está no ar para te atualizar a respeito de tudo o que rolou no mundo dos RPGs na s...

Postagem mais visitada